Otero dá sua primeira entrevista pelo Corinthians
Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Primeiro venezuelano a jogar no Corinthians, Otero concedeu entrevista online no Centro de Treinamento nesta terça-feira (25).

Otero disse ser um privilégio vestir a camisa do clube e que teve vontade de jogar no Corinthians desde que chegou no Brasil, por ser um time que se representa pela raça e por ser um clube que seus companheiros falaram muito bem. Otero disse que na única vez em que jogou na Arena Corinthians achou maravilhoso e mesmo jogando contra o time, queria estar do outro lado. O venezuelano disse estar muito feliz com sua chegada ao clube. 

Sobre a posição que irá jogar, Otero disse que joga em três posições, direita, esquerda e meio mas que ainda não sabe qual posição Tiago Nunes irá colocá-lo. Porém revelou se sentir melhor jogando pela esquerda. 

O jogador afirmou que a bola parada é a sua maior característica e que treina muito para aperfeiçoar a batida. Disse ainda que espera fazer um gol desta forma no jogo desta quarta-feira (26). Sobre os preparadores físicos aconselharem a não treinar muito as bolas paradas por causa do desgaste físico, disse que quando estava no Atlético-MG quase sempre estava bem e por isso treinava com frequência. 

Em relação ao seu ex-técnico, Sampaoli, Otero falou que agradece por sua sinceridade de ter falado que não iria mais contar com ele e que após isso contatou seu empresário dizendo que gostaria de jogar no Corinthians. 

Quanto ao fato de ser chamado de “o gringo mais brasileiro”, disse que é porque logo que chegou ao país aprendeu a falar todas as gírias. 

Por fim, o atleta explicou que escolheu a camisa número 11 pois era um dos números disponíveis e que quando jogou no Atlético-MG com a 11, fez bastante gols e espera fazer o mesmo no Corinthians. 

O próximo jogo do Corinthians será contra o Fortaleza nesta quarta-feira (26), às 21h30, na Arena Corinthians, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. Otero, já inscrito, estará a disposição.