Coringão vence na raça e se afasta do Z-4
Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Quando, em sua apresentação, Vagner Mancini afirmou que pretendia resgatar a identidade do Corinthians, não poderia imaginar que em seu primeiro jogo à frente do time a vitória viria da forma como veio, na raça, sofrido, suado, improvável, enfim, com a cara do Corinthians.

Após um primeiro tempo razoável e um começo de segundo tempo novamente muito ruim, com o goleirão Walter pegando tudo, sendo inclusive considerado o craque do jogo, o Corinthians parecia que, enfim, iria começar a ameaçar a defesa do Athletico-PR após as entradas de Boselli, Everaldo e Cazares nos lugares de Jô, Leo Natel e Ramiro mas, aos 32 minutos, o zagueiro Bruno Mendez foi expulso, após dar uma cotovelada na cabeça do adversário e colocou tudo a perder.

Com um jogador a mais, o Athletico-PR começou a sufocar o Corinthians, fazendo com que Walter trabalhasse bastante e fizesse defesas milagrosas. 

Publicidade - Continua abaixo

Quando boa parte da torcida já imaginava que o empate seria um ótimo resultado (dadas as circunstâncias apenas, uma vez que o empate não tiraria o time do Z-4), veio o gol com a cara do Corinthians. No último minuto, após tiro de meta de Walter, Boselli deu uma casquinha de cabeça para o meio. Xavier, outro monstro em campo, disputou a bola com aquela raça que o corinthiano gosta, tirando a bola do adversário e tocando para Everaldo, que dominou e meteu no meio das pernas do goleiro, abrindo o placar para delírio da Fiel!

Com esse resultado, o Corinthians afastou-se do Z-4, chegando à 14ª posição, com 18 pontos.

Clique aqui e veja como foi o jogo.

O próximo confronto será contra o Flamengo, domingo, às 16h, na Neo Química Arena.