Avatar do(a) Diego Lucio
Diego Lucio
@diego_lucio
Complicou de vez! Corinthians perde para o Santos e praticamente dá adeus à vaga na Libertadores
Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Mais um tropeço! O Corinthians vê suas chances de disputar uma Libertadores novamente, indo por água abaixo, após mais uma derrota. Dessa vez para o Santos na Vila Belmiro, e pelo placar de 1x0. O gol da partida saiu em jogada de Soteldo, que resultou no gol solitário de Marcos Leonardo.

Mas como entender outro tropeço alvinegro? O Corinthians merecia melhor sorte? O Santos foi tudo isso? Tentamos explicar!

1º tempo

O Corinthians começou bem melhor e criou duas excelentes chances com menos de 10 minutos. A primeira com Mateus Vital em chute de fora da área defendido por João Paulo, e a segunda com Mosquito perdendo cara-a-cara com o goleiro santista.

Mas aí veio o divisor de águas da partida. Acabou a luz da Vila Belmiro (pra variar) e o jogo diminuiu drasticamente de ritmo. Mais de 15 minutos parados, e os jogadores voltaram ‘frios’. A partida ficou chata de assistir. O Santos por sua vez só chegou através do jogo aéreo, mas sem perigo.

Publicidade - Continua abaixo

2º tempo

O que faltou em ambas as equipes na primeira etapa, foram jogadas individuais, para quebrar os bons sistemas defensivos montados. E foi aí entrou o baixinho Soteldo para mudar a cara do jogo. Logo aos seis minutos, o venezuelano criou grande chance que parou na defesa de Cássio, e três minutos depois começou a jogada do primeiro e único gol. Agora de fora da área, o ponta exigiu mais uma defesa de Cássio. Na sobra, Marinho chutou pro meio e achou Marcos Leonardo embaixo das traves para abrir o placar. Santos 1x0 Corinthians. E foi só isso que Soteldo fez. Aos 17, ele sairia machucado.

Mancini se viu obrigado a mexer, e colocou Cazares, Otero e Jô, nos lugares de Araos, Mosquito e Leo Natel. Pouca coisa mudou. O Corinthians abusou do chutão e nada criava de perigoso. Entrariam ainda Ramiro e Gabriel Pereira, mas nada de melhoras.

Ficou nisso!

Publicidade - Continua abaixo

Análise:

Pior do que perder, é perder sem ao menos fazer o goleiro adversário suar. O Corinthians é um poço de ineficiência. Falta qualidade demais. Não teve chute de fora, não teve jogada individual, jogada de linha de fundo. O time apagou junto com o apagão do início da partida. Pois os 10 minutos iniciais até ‘iludiram’. Mas daí pra frente, foi feio de ver. Em resumo, o Corinthians definitivamente não mereceu melhor sorte neste jogo, e também não merece uma vaga na Libertadores.

Destaque individual: MATEUS VITAL

E olha que ele nem foi tudo isso. Mas na primeira etapa, os poucos momentos de lucidez do ataque do Corinthians, saíram mais uma vez dos pés de Mateus Vital. O ponta NUNCA pode ser o reserva de Otero.

Destaque negativo: MICHEL MACEDO

Não há distância maior entre um titular e um reserva, do que Fagner para Michel Macedo. Tanto na defesa quanto no ataque. Não que tenha sido uma partida péssima, mas a falta de ritmo e de qualidade ficaram evidentes numa partida tão importante quanto a de hoje.

Como fica o Corinthians no Brasileirão?

O Corinthians quase dá adeus à chance de ir para a Libertadores. O Timão estaciona na 10ª colocação com 49 pontos, e fica há quatro pontos do próprio Santos, primeira equipe do G8. Faltando apenas seis pontos para disputar, a chance de entrar nesse pelotão, fica quase impossível.