CBF altera procedimentos do protocolo médico para o Brasileirão
Rodrigo Coca / Agência Corinthians

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) informou na noite desta segunda-feira (10), que realizou ajustes nos procedimentos do protocolo médico para o Campeonato Brasileiro com o objetivo de aperfeiçoar o sistema de testes para COVID-19 e oferecer maior segurança às equipes.

A Confederação ampliou a testagem para todos os jogadores inscritos na competição, que serão testados com 72 horas de antecedência de cada jogo. Antes, apenas os atletas relacionados para cada partida eram testados. 

Os clubes agora poderão optar por realizar os exames pelo Hospital Albert Einstein ou por laboratórios locais autorizados pelas entidades de saúde competentes. A CBF reembolsará os valores aos clubes que optarem pelos laboratórios locais.

Outra modificação é em relação aos resultados dos exames, que deverão ser enviados à CBF até 24h antes da partida pelo clube mandante e até 12h antes da viagem pelo clube visitante, o que permitirá que qualquer equipe efetue trocas de eventuais jogadores com teste positivo.

O cumprimento do Guia Médico para retorno dos jogos e da Diretriz Operacional de cada competição estabelecidos anteriormente continuam valendo.

Fonte: Confederação Brasileira de Futebol